quarta-feira, 3 de abril de 2013

Butch Cassidy and The Sundance Kid

 - O que aconteceu com o banco antigo? Era lindo!
 - Ele vivia sendo roubado.
 - É um preço pequeno a ser pago pela beleza...


Apesar de ser tratar de um gênero quase extinto - e o fato desse "quase" não ser um "certamente" se deve unicamente a Quentin Tarantino - é inegável que o faroeste tem uma importância fundamental na história do cinema. Surgiu com força na década de 1950 e teve seu auge artístico/criativo no meio dos anos sessenta, antes dos spaghetti western desgastarem todo o gênero na década seguinte.
Qual é o melhor de todos os tempos? Não é uma resposta fácil, mas também não há tantos concorrentes assim a esse posto. Eu mesmo tenho um carinho especial por Três Homens em Conflito (1966), Era Uma Vez no Oeste (1968) e Os Imperdoáveis (1992). Contudo, Butch Cassidy and The Sundance Kid (1969) também poderia facilmente concorrer a este posto.

É, de longe, o mais divertido de todos, se levarmos em consideração o humor e é baseado em personagens que realmente existiram.

Diz a lenda que o Butch Cassidy da vida real nunca atirou em ninguém, apesar de ser um notório ladrão de bancos e trens e passar a maior parte da sua vida fugindo dos homens da lei. Mesmo a sua morte, ao lado de seu parceiro Sundance Kid, é cercada de mistério, já que a localização da sepultura de ambos é desconhecida. Outra teoria diz que, como os corpos de ambos foram reconhecidos por um amigo pessoal - o mineiro Percy Seibert, que inspirou a criação de personagem para o filme - poderia tê-los ajudado a forjar as próprias mortes e terem fugido. Mesmo a figura de Etta Place - no filme, usada como contraponto mais sério para o par de protagonistas - é alguém de quem não se sabe nada. Uma teoria que durou anos era a de que sua identidade seria a mesma de Eunice Gray, proprietária de hotel em Forth Worth, Texas, morta em um incêncio em 1962.
Mitos à parte, é verdade que Lula Parker Betenson, irmã de Robert LeRoy Parker (vulgo Butch Cassidy) esteve presente nas filmagens e divertiu os membros da produção e do elenco ao contar as histórias das escapadas do irmão famoso durante sua vida.


VOCÊ NÃO IRIA QUERER QUE MAIS NINGUÉM ROUBASSE SEU DINHEIRO... EXCETO ELE!

Apesar do nome de Butch aparecer primeiro no título, seria um erro afirmar que ele é O protagonista do filme. Tanto que, inicialmente, o título deveria ser The Sundance Kid and Butch Cassidy, com Steve McQueen e Paul Newman nos papéis principais. Contudo, com a desistência de McQueen, a ordem foi invertida por razões comerciais, já que Newman tinha um status maior de astro na época.

Butch Cassidy e The Sundance Kid são dois ladrões de banco americanos no final do século XIX. Mesmo assim, Butch é retratado como alguém bastante afável e mão aberta. Já Sundance é conhecido por sua pontaria certeira. Etta Place, namorada de Kid, completa uma uma espécie de triângulo amoroso, já que também nutre algum sentimento por Butch.
Quando Butch, Kid e a Gangue Buraco na Parede passam a roubar insistentemente os trens de E.H. Harriman, começam a ser perseguidos pela melhor equipe de caçadores de recompensas que o dinheiro poderia comprar. Sem saída, os três partem para a América do Sul. Mas, sem falar uma palavra sequer em espanhol, como manter a rotina de roubos?

Poucas duplas na história do cinema têm tanta química quando Butch (Paul Newman) e Sundance Kid (Robert Redford). Os diálogos de ambos são memoráveis, além de serem hilários. E é desse filme a clássica cena da bicicleta ao som de Raindrops Keep Falling on My Head, composta exclusivamente para o longa.

Um dos maiores de todos os tempos, inquestionavelmente.



Butch Cassidy and The Sundancce Kid (1969)

Dirigido por George Roy Hill
Escrito por William Goldman

Paul Newman
Robert Redford
Katharine Ross

Vencedor de 4 Oscars: Fotografia, Trilha SOnora, Canção Original e Roteiro Original.
Indicado a outros 3 Oscars: Som, Diretor e Filme
Vencedor de 1 Golden Globe: Trilha Sonora
Indicado a outros 3 Golden Globes: Canção Original, Roteiro e Filme-Drama
Vencedor de 8 BAFTA's: Ator (Robert Redford), Atriz (Katharine Ross), Fotografia, Edição, Roteiro, Trilha Sonora, Direção e filme.
Indicado ao BAFTA de Melhor Ator (Paul Newman)



Butch Cassidy and The Sundance Kid (1969) - trailer


Nenhum comentário: