terça-feira, 26 de março de 2013

Strippers... classe C!

Um dia desses, conversando com um colega de trampo sobre música, lembrei desse filme. Ou Tudo, Ou Nada (The Full Monty, 1997) me veio à mente porque esse meu colega disse que sua esposa estava querendo montar um CD com "aquelas músicas de gay dos anos setenta". Tipo Village People, Gloria Gaynor, essas coisas.
Esse filme nem é sobre gays e nem nada disso, mas a trilha sonora - que inclui You Can Leave Your Hat On e Rock N' Roll Pt2 - tem bastante coisa dessa época. Aliás, foi exatamente nessa categoria que o longa levou o Oscar.
Ou Tudo, Ou Nada conta a hilária história de seis sujeitos desempregados que, ao sentir o cinto apertar decidem virar strippers. O problema é que, diferente dos strippers de verdade, esses caras não fazem o gênero estereótipo saradões. Um é gordo. Outro é magro. Outro é velho. E um outro é um idiota com peito de pombo.
Pronto. Somente isso. Esse roteiro bem simples de uma idéia extremamente original foi o bastante para, além de vencer o Oscar de Melhor Trilha Sonora, ser indicado a outras três categorias - incluindo melhor filme.
Ou Tudo, Ou Nada não tem muita profundidade, mas é bem divertido.

Ótimo!

Ou Tudo Ou Nada (The Full Monty, 1997) -trechos
 
 
 
 
 

Nenhum comentário: